.algo sem nome.

”É preciso que você venha nesse exato momento.
Abandone os antes. Chame do que quiser. Mas venha... Quero dividir meus erros, loucuras, beijos, chocolates...Apague minhas interrogações. Quero acabar com as leis da física,dois corpos ocuparem o mesmo lugar! Não nego. Tenho um grande medo de ser sozinha. Não sou pedaço. Mas não me basto.”
.
.
[C.F.A] 



Quem diria que um dia eu ia estar pensando em você com tanta frequência como agora.
Confuso,alguém que até ontem eu nem lembrava de ter visto e agora ta aqui dentro de mim fazendo crescer um sentimento ou não tão fofo que a muito eu não sentia.Talvez eu com a minha mania de romancear tudo caia na real e perceba que não passou de carência,talvez também esse sentimento se torne real ou mais real do que o meu imaginário que me faz viajar em várias "ilusões",como assim eu prefiro chamar.
Das conversas,do jeito fofo de ser,dos olhares trocados,da sua timidez,a única coisa que posso dizer é que paira sim algo no ar,sem nome por enquanto,que só falta EU E VOCÊ perceber.
...


[.fora o fato que precisava dizer essas palavras ñ necessariamente como está aqui,tenho a plena certeza também que você jamais vai ler e isso me deixa muito tranquila.prontofalei]


3 pitaco(s):

Micha Descontrolada disse...

mesmo q nao dê em nada, esses romanceamentos são ótimos pra animar o dia, querer se arrumar um pouquinho mais, sorrir mais...
enfim, ser mais feliz.

Um ótimo fim de semana para você!!!!

/(,")\\
./_\\. Beijossssssssss
_| |_................

Jamylle Carvalho disse...

Tay, pode falar lá pelo blog mesmo (de preferência na caixa de recados) pq não tô conseguindo entrar no meu msn =/

Clara disse...

Oi moça! Obrigada pelo coment lá no meu blog (meu caderno rosa)

=) fiquei feliz! Também gostei muito do seu blog, fofo demais! =D É bom um espaço para nossos desabafos! E alís, achei lindo o que você escreveu..

Eu também confesso que tenho medo de ficar sozinha. Aliás, acho que mesmo aqueles que batem no peito em dizer que não precisam de ninguém, estão mentindo para eles mesmos. Todos nós precisamos de uma mão, um colo, um carinho, de alguém. E para isso não somos autosuficientes. =)

Vou te seguir também!

bjoooo